Maestro Jaime Ferreira Pascoal

jaimeferreirapascoalJaime Ferreira Pascoal nasceu em Pombal a 10 de Abril de 1981. Começou a estudar música aos 9 anos na Filarmónica Artística Pombalense. Aos 18 foi estudar trombone para o conservatório regional de Coimbra na classe do professor Joaquim Raposo.

Fez a licenciatura em música, variante trombone, na classe do professor Ismael Santos, na Escola Superior de Musica de Lisboa, ESML.

Frequentou ainda diversos Master classes com trombonistas, Alexandre Vilela, Hugo Assunção, Reinaldo Guerreiro, Josephe Alessi, Ssott Hartman, Jaques Mauger, James Miller e Byron Flucher.

Participou ainda em diversos estágios de orquestras trabalhando com maestros como, Alberto Roque, Vasco Azevedo, António Saiote, João Paulo Fernandes, Jean-Sébastien Béreau e Eugene Corporon.

Participa como músico, desde as suas fundações em 2011, a Orquestra de Jazz de Leiria e no grupo Farratuga.

Participou na gravação de dois CD’s da orquestra de sopros da ESML, Escola Superior de Música de Lisboa, em 2011 e 2013, para a editora Molenaar . Em 2013 tocou a solo, com a mesma orquestra, o concerto para trombone e orquestra de sopros T-bone do compositor Johan de Meij.

Em outubro de 2012 foi convidado a tocar com a Frysk Fanfare Orkest na sua digressão por Portugal, tendo feito concertos em Palmela, Seixal e Alhandra, sobe a direção do maestro Jouke Hoekstra.

Tem participado em gravações, em estúdio, desde 2012 com a orquestra The West European Studio Orchestra, WESO, para filmes como: A Rainha Njinga com música de Rodrigo Leão, Lisbon Theme e Ninjago Theme de Mik Kramer, The Flood e The Big Catch de Samuel Peeg, entre outros.

Desde 2011 que exerce a docência da classe de trombones na escola Canto Firme em Tomar e na Ourearte em Ourem, tendo em outubro de 2015 ficado colocado no Concervatório Nacional de Coimbra no polo da Sertã.

Em janeiro de 2015 assume a direção artística da Filarmónica Vermoilense bem com a direção pedagógica da sua escola de música.